quarta-feira, 13 de agosto de 2008

«Si rien n’est vrai, tout est permis.»

6 comentários:

Avó Pirueta disse...

Aposto que esta foto é do Clap mais de uma mana a darem cabo das posturas de ovos que a Mãe deles tinha posto a chocar. O ar compenetrado deles e o ar assustado da galinha são provas suficientes.

CLAP!CLAP!CLAP! disse...

O Clap inda tava no ovinho....ehehee
*

Anabela Magalhães disse...

Tava não, tá! Kakakakaka

CLAP!CLAP!CLAP! disse...

Tá?
Aprofunde pf...

Avó Pirueta disse...

Clap, nestas coisas de aprofundar é preciso ter cuidado: ou damos com um poço de petróleo ou damos com os burros n'água. Portanto, não "profundas". Apesar da probabilidade do petróleo. Sabes que em Luanda, quando iam para construir o novo aeroporto tiveram que parar as obras e ir para outro sítio porque havia ali um veio com diamantes? E depois no segundo local havia petróleo? É assim, quando menos se espera dá-se um pontapé numa pedra... Xi, Avó (sem foto)

Anabela Magalhães disse...

O menino tá ainda no ovinho neste blogue. De resto já está um calmeirão!! Kakakakaka
Pronto, Carmito, já deu com os burros na agua.