terça-feira, 30 de setembro de 2008

Cine club: iuuupppiiiiiiiiiiiiiiiiiiii


Cinema Teixeira de Pascoaes
6ªs feiras às 21: 30
Em Outubro
Dia 17
ARITMÉTICA EMOCIONAL

Emotional Arithmetic

Realizador: Paolo Barzman
Actores:
Susan Sarandon
Gabriel Byrne
Max von Sydow
Christopher Plummer
Roy Dupuis
Ano: 2007
Idade: M/12
Duração: 99 minutos
Género: Drama
Distribuidora: LNK
País de Origem: Canadá

"an-ton-ces?" adenoides?

virou? mas ainda não caiu

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Scarlett Johansson casou ...


A actriz terá juntado os trapinhos com Ryan Reynolds, este fim-de-semana no Canadá.

sábado, 27 de setembro de 2008

salgadinho??? stop!


O reunitovírus é quase tão mau como o adesivovírus. Mata se não tomarmos as nossas precauções. Há uma medicação eficaz. Ora leia:

1. Exija que as reuniões não ultrapassem os 120 minutos. No caso de isso acontecer, tente convencer os colegas a darem por terminada a reunião. Lembre-se de que uma reunião que demore mais do que duas horas é uma reunião mal dirigida.
2. Exija que a aprovação da acta seja feita no final da reunião e não no início da próxima.
3. Exija que as informações sejam divulgadas por email.
4. Exija que a acta apenas contenha as deliberações.
5. Caso haja colegas que pretendam ver as suas intervenções escritas em acta, exija que eles as façam por escrito.
6. Exija que o secretariado das reuniões seja rotativo para não penalizar sempre as mesmas pessoas.
7. Exija que as reuniões sejam marcadas para antes das 16 horas a afim de que possam terminar antes das 18 horas.
8. Não faça nem mais uma reunião do que as que forem legalmente exigidas.
9. Coloque a hipótese de haver reuniões que possam ser feitas online, através de videoconferência, isto é, sem a presença física dos professores na escola.
10. Chame a atenção do coordenador da reunião sempre que ele ou ela esteja a "pastelar". Faça o mesmo para com os chatos que gostam de se ouvir nas reuniões e repetem os argumentos vezes sem conta. Esses já estão infectados com o reunitovírus, sendo por isso extramamente perigosos.
11. Exija que as declarações para acta sejam entregues em formato digital.
12. Se acha que está a haver abusos com as reuniões ocasionais, opte por não comparecer caso a convocatória não seja feita com 48 horas de antecedência

descia a estrada e estremeci...

ERASMUS PARA

quarta-feira, 24 de setembro de 2008

A vida sempre em mudança e nós nesta pasmaceira não mudamos e a vida cansa por ser assim tão rotineira.


- use o relógio de pulso no braço direito;
- escove os dentes com a mão contrária da de costume;
- ande pela casa de trás para frente;
- vista-se de olhos fechados;
- estimule o paladar, coma coisas diferentes;
- veja fotos de cabeça para baixo;
- veja as horas num espelho;
- faça um novo caminho para ir ao trabalho; A proposta é mudar o comportamento rotineiro.

Tente, faça alguma coisa diferente com seu outro lado e estimule o seu cérebro.
Vale a pena tentar! Que tal começar a praticar agora, trocando o rato de lado?

700.000.000.000.000.000


É o numero que o Governo Americano disponibilizou para tapar o "buraco " da crise financeira.
Um numero parecido com o número de estrelas no nosso universo, isto é: 700.000.000.000.000.000.000.000 estrelas! ...




+

Ó pazinho...qiande te mando à multiópticas!



"returned from the past?"

ja nao é Polo! é Golf...

divirtam-se

OMELETES COM BONS OVOS!

terça-feira, 23 de setembro de 2008

O professor-educador


Num liceu no Porto estava a acontecer uma coisa muito fora do comum. Um "bando" de miúdas de 12 anos andava a pôr baton nos lábios, todos os dias, e para remover o excesso beijavam o espelho da casa de banho. O Cons.Exec. andava bastante preocupado, porque a funcionária da limpeza tinha um trabalho enorme para limpar o espelho ao fim do dia e no dia seguinte lá estavam outra vez as marcas de baton.

Um dia, um professor juntou as miúdas e a funcionária na casa de banho e explicou que era muito complicado limpar o espelho com todas aquelas marcas que elas faziam e, para demonstrar a dificuldade, pediu à empregada para mostrar como é que ela fazia para limpar o espelho.

A empregada pegou numa "esfregona", molhou-a na sanita e passou-a repetidamente no espelho até as marcas desaparecerem.

Nunca mais houve marcas no espelho...

antes que....


pois,sao coisas que acontecem!
Mas nem de proposito: durante a manha,um gesto mais brusco eee e ZÁS! ! ...lá se foram os óculos q tavam mesmo-mesmo a precisar de substituição!..assim sendo, de tarde tentarei normalizar a coisa para que não volte a suceder!
Obrigado aos amigos!

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

não te deixes amedrontrar

(Ezequiel 3,9)
vou dar a teu rosto a rigidez do diamante, que é mais resistente que a rocha. Não os temas, pois, e não te deixes amedrontrar por causa deles, pois são uma raça de recalcitrantes.

para ti, que me trocaste o nik...


e como eu te entendo tão bem....
força! tu és capaz!...

sexta-feira, 19 de setembro de 2008

A felicidade é um par de botas...


Autárquicas
Santana diz que "é difícil dizer não a Lisboa"
Santana Lopes é o escolhido do presidente da distrital de Lisboa do PSD para defrontar António Costa nas autárquicas. Santana ainda não decidiu nada mas reconhece que lhe é "difícil dizer não a Lisboa".

Governo escondeu 140 mortes


Exclusivo Expresso
Estatísticas de sinistralidade rodoviária de 2008
Governo escondeu 140 mortes
A Autoridade de Segurança Rodoviária congratulou-se esta semana com a diminuição de vítimas mortais nas estradas, mas os valores que anunciou não são verdadeiros.
Valentina Marcelino
18:00 | Sexta-feira, 19 de Set de 2008


Estudos recentes da PSP e do Instituto Nacional de Medicina Legal, a que o Expresso teve acesso, desmentem as estatísticas do Ministério da Administração Interna: houve mais 40% de mortes que anunciado. O número de vítimas que morrem no hospital - que não entra nos números oficiais - tem aumentado nos últimos anos, tendo chegado a 72% em Lisboa. A Associação de Cidadãos Auto-Mobilizados vai fazer uma queixa à União Europeia para denunciar que Portugal está a fornecer números falsos.

revival

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

mas que mulher!


Elvira Fortunato e Rodrigo Martins, Professores da FCT, desenvolvem o primeiro transístor com papel

nos antípodas..uma GRANDE PORTUGUESA! Elvira Fortunato


Concurso de Bolsas Avançadas
Investigadora portuguesa recebe 2,25 milhões de euros do European Research Council
25.07.2008 - 18h15 PÚBLICO
A investigadora Elvira Fortunato, da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Nova de Lisboa (UNL), venceu uma das Bolsas Avançadas do European Research Council, no valor de 2,25 milhões de euros, disse ao PÚBLICO Maria Arménia Carrondo, vice-reitora da UNL.
"A Nova está de parabéns esta semana", comentou a vice-reitora.

Elvira Fortunato, de 44 anos, é actualmente directora do Centro de Investigação de Materiais (Cenimat) da UNL e foi notícia esta semana por ter publicado, em conjunto com mais cinco colegas do seu centro de investigação, um artigo científico que descreve o primeiro transístor com papel.

A este primeiro concurso de Bolsas Avançadas da European Research Foundation concorreram 2167 investigadores: 766 na área das Ciências da Vida e Medicina, 997 na área da Física e das Engenharias e 404 nas Ciências Sociais e Humanidades.

Os investigadores concorrentes tinham uma média de idades de 52 anos e provinham de 50 nacionalidades. As mulheres representavam 14 por cento dos concorrentes. Apenas um por cento dos investigadores candidatos eram portugueses, metade dos quais mulheres.

Solta a ................(?) que há em ti!



MAGN-IFICIÊNCIA????

confesso q gostaria de ser assim...


Dono da Bragaparques diz que Sá Fernandes lhe quis extorquir dinheiro
cf JN de hoje


O Ministério Público acusa-o de corrupção activa, por tentar subornar José Sá Fernandes. Mas, esta terça-feira, no início do julgamento, Domingos Névoa negou e garantiu que foi Ricardo Sá Fernandes quem lhe quis extorquir dinheiro.

Num discurso muito atabalhoado e confuso, o sócio-gerente da empresa Bragaparques garantiu, no Tribunal da Boa Hora, em Lisboa, que foi o advogado que tomou a iniciativa de o abordar, em Setembro de 2005, para lhe pedir financiamento para a campanha eleitoral autárquica do irmão, José Sá Fernandes, que viria a ser eleito vereador nas eleições de Outubro de 2005 e é actualmente responsável pelo pelouro dos Espaços Verdes na Câmara Municipal de Lisboa.

Domingos Névoa rebateu a acusação do Ministério Público, alegando que foi Ricardo Sá Fernandes que lhe pediu dinheiro: inicialmente 500 mil euros, valor que foi depois diminuindo até se fixar nos 200 mil euros. Em contrapartida, segundo o arguido, o advogado garantia que o irmão desistiria da acção popular que interpusera contra a Câmara, Bragaparques e EPUL, e que impedia a concretização do negócio da permuta dos terrenos da Feira Popular pelos do Parque Mayer (propriedade da empresa).

"Ele [Ricardo Sá Fernandes] apanhou-me no corredor do escritório da sociedade de advogados e disse-me: 'Mais uma vez o meu irmão me lixou. Tive de pagar as acções populares perdidas, entre elas, a da Rua da Madalena'. Ora, nunca pensei em ganhar 500 mil euros quanto mais dá-los", disse, ao colectivo de juízes, Domingos Névoa, garantindo que Ricardo Sá Fernandes lhe telefonou "dezenas de vezes" e o tentou "instrumentalizar". "Percebi logo que não era o irmão mas ele [Ricardo] que se estava a 'afiambrar'", frisou, repetidas vezes.

Só após duas horas de declarações e questionado por uma das juízas sobre as intenções das suas propostas monetárias - que constam nas escutas validadas pelo tribunal - é que Névoa esclareceu o seu propósito: "Queria que ele retirasse a acção a custo zero. Falávamos nisso [dinheiro] mas nunca lhe garanti nada", acrescentou, classificando o que se passou como "um jogo do gato e do rato".

No seu depoimento, Ricardo Sá Fernandes negou que tenha sido ele a procurar Névoa. "O primeiro contacto que tive com o senhor Névoa foi num telefonema, a 18 de Janeiro de 2006. Junto da recepcionista identificou-se apenas como 'Domingos'", revelou, garantindo tê-lo atendido por julgar ser outra pessoa que não o empresário nortenho.

Nessa chamada, segundo o advogado, Domingos Névoa deu indícios de que o pretendia subornar para a retirada da dita acção popular. "Fiquei sarapantado e tive de pensar no que dizer. Trocámos números de telemóvel e foi a única vez que falámos ao telefone", contou Ricardo Sá Fernandes, adiantando ter aceite agendar um encontro com o interlocutor.

Incrédulo com a abordagem, Ricardo Sá Fernandes relatou o episódio a alguns amigos, entre eles o sociólogo António Barreto e o realizador Luís Filipe Rocha, testemunha no processo. Destas conversas surgiu a ideia de gravar o diálogo com Domingos Névoa no encontro que teria lugar no bar do Hotel Mundial, em Lisboa. Inicialmente, pensou em usar uma caneta gravadora que lhe foi cedida pelo apresentador de televisão, Carlos Cruz, mas, dada a fraca definição, acabou por utilizar o telemóvel de um cunhado.

Dado o adiantado da hora, o depoimento da principal testemunha acabaria por ser interrompido e ficou marcado para a próxima audiência, a 23 de Setembro.

À saída do tribunal, o advogado de defesa do arguido, Artur Marques (que também patrocina a defesa de Fátima Felgueiras), admitiu que irá invocar a ilegalidade das escutas e insistir que os contactos ter-se-ão iniciado por iniciativa de Ricardo Sá Fernandes, sócio do escritório de advogados onde trabalhava Rita Matias, advogada de Névoa noutros processos, designadamente na acção popular que corre no tribunal administrativo e fiscal de Lisboa.

A declaração de nulidade das escutas telefónicas já tinha sido pedida pela defesa do arguido na fase de instrução, mas o juiz declarou nulo o pedido. No despacho de pronúncia, o juiz considera que das gravações dos encontrou - houve três, mas só duas das escutas foram admitidas como prova por terem sido previamente autorizadas por um juiz - "resulta inequivocamente que o arguido Domingos Névoa pretendeu proceder ao pagamento de 100 mil euros" no dia 27 de Janeiro de 2006, não tendo isso ocorrido porque Ricardo Sá Fernandes protelou sempre essa entrega.

De acordo com a acusação, o objectivo de Névoa era que José Sá Fernandes fizesse uma declaração pública assumindo que a acção popular tinha sido um erro e que isso acontecesse o mais rápido possível.

quantos "radicais livres" terás?

terça-feira, 16 de setembro de 2008

é ú pê é çe...


Onde ficará esta maravilhosa-maravilha?

Ai que ricas...



Partida: 08:00
Chegada: 16:00

Na STAPLES!

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

suspeitava, mas agora...


tenho a certeza que já pertencemos a um futuro, e que ela passa, inevitavelmente pelo que formos capazes de "aqui-sermos"...

http://www.josesaramago.org/

domingo, 14 de setembro de 2008

façam qualquer coisinha...


Chamem tres ambulancias do Conde Ferreira...
Liguem para a polícia e digam que o que viram...

Aquilo é que é um escritor


O Nobel da literatura para Sócrates.

O primeiro ministro fala de uma maneira esquisita. Enreda-se nos assuntos e aquilo que diz fica tão embrulhado que não se chega a perceber se está a falar ou a chupar alguma pastilha para a azia.


Frase 1 - "As mudanças que fizemos na educação foram orientadas por um desejo honesto de um Governo honesto que quis apenas aplicar um programa para servir o interesse geral."
Frase 2 - "Nenhum programa político pode ter sucesso na economia global sem uma aposta na educação".
Frase 3 - "O nosso programa político visa um país mais competitivo, mas também um país mais justo, onde ninguém fique para trás. O nosso país tem desigualdades, que são verdadeiramente causadas por desigualdades na educação".
Frase 4 - "As mudanças introduzidas nos últimos três anos criaram um verdadeiro movimento nas escolas públicas. Quem honestamente e objectivamente olhar para a escola de hoje e a comparar com a realidade de há três anos atrás, não pode deixar de concluir que está melhor".

sábado, 13 de setembro de 2008

falanstérios




"A indagação das coincidências que existem entre o mundo escrito e o mundo real ?
mas o mundo, no entanto, é descrito e representado por meio de uma multiplicidade
instável de objetos, que só podem ser conhecidos de forma parcial e hipotética."

Natural-Cultural?Criar mais do que guardar



Criar mais do que guardar

Hoje.Porto.Casa da Musica.


TELEFONE
220120220
LOCAL Porto, Casa da Música - Pç. Mouzinho de Albuquerque
HORARIOS
Dia 13-09-2008 Sábado às 22h00
PREÇO30€.Na Sala Suggia.

http://www.aldimeola.com

que diria o Conde de Lautreamont?


à cabeça o sublime
Ao coração o sentimento
Aos orgãos genitais a beleza
Ás mãos e aos pés a dureza
Desculpem, a proporção!

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Palram...


... pega e papagaio
cacareja a galinha
Os ternos pombos arrulham
gane a rola inocentinha
Ruge a vaca, marra o touro…

Título : "Era uma vez na aldeia..."


sub-título???


foto retirada do blog da AM ...(pudera! a minha máquina ainda no prego!)

Como diz que disse?" INICIO COMO ACABEI ...???!!"""


IF YOUDONT
DONT LIKE
IT YOUCAN
YOUCAN GET
THEFUCK
OUT OUTOF
MYHOUSE