quarta-feira, 6 de agosto de 2008


Promete ter um phone bluetooth para atender o telemovel sem tirar o capacete, além de servir como intercomunicador, para conversar com o pendura enquanto pilota.

8 comentários:

Passiflora Maré disse...

O Clap deve saber dessas coisas de comunicação com o piloto....
Eu bem o vi, não pense que estou inocente...e tinha sempre um ar muitíssimo profissional...

Passiflora Maré disse...

O Clap deve saber dessas coisas de comunicação com o piloto....
Eu bem o vi, não pense que estou inocente...e tinha sempre um ar muitíssimo profissional...

Maria Bernarda disse...

Ai de ti se te apanho nestes preparos! Vou atrás de ti e levas duas boas palmadas no sim-senhor, que não deve andar assim protegido. Maria Bernarda

Anabela Magalhães disse...

Parece que era profissional.

CLAP!CLAP!CLAP! disse...

Não me puxem os Galões, nem me mexam no glossário,nem na genealogia ...carago!
:-)

annabel disse...

¿Pero este casco no es el de Leónidas cuando luchaba contra Jerjes en la Batalla de Las Termópilas?

¿Ó es etrusco?

A saber qué quieres decir, esto de relacionar tanto objetos sacados de contexto, me confunde.

Bueno, también podría ser un casco de uno de los soldados del Caballo de Troya, aunque ya puestos, no hemos cambiado tanto ¿no?

Ahora tenemos al gran Alonso I de Asturias, es mejor piloto del mundo.

CLAP!CLAP!CLAP! disse...

Annabel: Como o teu coments são sempre tão perspicazes e enriquecedores...
De facto eu baralho e dou! procuro desconstruir e com isso ganhar novas leituras e abordagens de um tema /objecto,mas sempre de um modo muito intuitivo e pessoal. Não sei se interessante ou não, mas sempre como se um impulso eléctrico quase essencial o provocasse.
------------
PS1
O capacete pode muito bem ter sobrevivido às Termopilas (vide post anterior)...
sabe-se q é de cobre e provavelmente sec V ac.
Mas mesmo o vosso menino asturi-ano,não seria desmerecedor de o pôr... hummmmm

annabel disse...

Lo consigues, lo consigues... innovas, de eso se trata ¿no?

Deconstruktion. Derridá... ehmmmmm, interesante.

Deconstrucción vs Reconstrucción,
desde las mismas bases,
iguales esencias,
diferentes ópticas.

Bona nit :)